“Um Lugar Para os Apaixonados por Séries”

Seja bem vindo! | Versão: 2.o

16 de dezembro de 2017 Destaques Filmes Review
Resenha | Star Wars: Os Últimos Jedi
Tropeça, mas nunca cai!

Resenha | Star Wars: Os Últimos Jedi (Reprodução) Os Últimos Jedi
Daniel Rodrigues

Quando O Despertar da Força foi lançado dois anos atrás, foi criticado por ser uma cópia de Uma Nova Esperança. Desde o roteiro até os acontecimentos, o que deixou o filme com cara de remake.

» Siga o SOS no Facebook , Instagram e no Twitter e receba todas novidades das séries! «

Bom, hoje não posso dizer o mesmo, a grande virtude de Os Últimos Jedi é sua originalidade. Ele não vai pra onde você pensa. Sempre que você achar que sabe pra onde tudo está indo, ele encontra um jeito de te surpreender. Principalmente nas cenas que envolvem Rey, Luke e Kylo que são as melhores do longa.

Temos aqui três diferentes seguimentos: Rey (Daisy Ridley) que está conhecendo a força com a ajuda de Luke (Mark Hammil). Poe (Oscar Isaac) lidera o grupo rebelde ao lado de Leia (Carrie Fisher). E Finn (Boyega) que esta em uma missão com Rose (Kelly Marrie) para ajudar a rebelião.

O seguimento do Finn é o menos interessante. Mesmo com ótimas críticas sociais, você nunca enxerga a missão dele como algo importante. Sem contar que introduz umas piadas bem bobinhas envolvendo o BB-8. Mas o que deixa esse seguimento desinteressante  é a presença de Benicio Del Toro que surge do nada e sua presença mal acrescenta. A Rose serve mais como um suporte pro arco do Finn e eles acabam funcionando bem como dupla. Mesmo com problemas ainda são sequências divertidas.

Achei muito interessante o núcleo que envolve Leia e Poe, o piloto está em processo de aprendizado. Sempre tendo que encarar as consequências de seus erros e já da pra ver um líder nascendo. É triste ver Carrie Fisher em seu último papel, mas pelo menos vimos Leia de um jeito nunca visto antes. Eu gostei muito.

Tudo o que vem do Luke é ótimo. O personagem está com traumas graças ao seu passado e isso faz todas as suas atitudes, incluindo as engraçadas, plausíveis. Ele carrega os momentos mais bonitos do filme. Quem é fã da saga original vai se emocionar muito em pelo menos dois momentos.

Sobre os vilões, Snoke não é tão ameaçador quanto sugeria, mas Kylo Ren (Adam Driver) continua com seus conflitos internos muito bem trabalhados pelo ator e te um momento aqui onde ele prova mais um vez ser o personagem mais interessante dessa franquia.

A fotografia é maravilhosa, os cenários são de um gosto estético muito apurado. O filme enche seus olhos com suas cores. O vermelho é a mais recorrente e cria um contraste belíssimo na maioria das cenas. O diretor dessa vez é o Rian Johnson que já dirigiu Looper e alguns episódios de Breaking Bad. Ele trabalha muito bem as escalas, dando uma ameaça necessária às naves da Primeira Ordem. Ele tem uma boa mão para as sequências de ação, há momentos aqui que não vão sair da minha cabeça tão cedo. Mas seu maior barato é optar por planos mais fechados pra exibir a emoção dos seus atores. Isso traz uma sensação humana, levando à tona dúvidas e medo de seus personagens.

Dentro disso tem a sempre maravilhosa trilha sonora de John Williams que continua bombástica, majestosa e que faz seu sentimento de aventura ir até o céu, ou galáxia. O som do filme merece ser citado, existe uma sequência nonsense aqui onde ele se destaca muito. Principalmente pelo bom uso do silêncio.

Star Wars: Os Últimos Jedi é esteticamente impecável. Possui um roteiro ousado que deixa essa nova trilogia andar com as próprias pernas. Até quando você pensa que ele vai cair,o filme só desliza, e isso nem faz cócegas dentro de tanta emoção que o mesmo causa.

Confira outras resenhas aqui.

 

Comentários
Queremos saber o que você pensa! Este espaço é especialmente para você deixar seus comentários. Deixe sua opinião e nos ajude a construir um Sons of Series cada vez melhor e mais completo. Debates são super bem vindos, desde que as opiniões sejam respeitadas e expressas de maneira educada e sem ofensas gratuitas. Caso observe qualquer tipo de conteúdo preconceituoso ou ofensivo, por favor, não exitem em nos contactar!