“Um Lugar Para os Apaixonados por Séries”

Seja bem vindo! | Versão: 2.o

13 de agosto de 2017 Destaques Quadrinhos
Opinião: [SPOILER] Por que a ideia de tornar o Capitão América “nazista” é genial?
Sobre o “Protesto Nazi” dos EUA, com um olhar nos quadrinhos

Opinião: [SPOILER] Por que a ideia de tornar o Capitão América “nazista” é genial? (Reprodução) Nazista

O Capitão América é um símbolo americano desde seu surgimento. Pode parecer bobeira, mas mesmo sendo “apenas” uma história em quadrinhos, essa simples HQ deu força ao país. Quando a América e o mundo precisavam de um herói em meio a todas as maldades que vinham acontecendo por causa do líder nazista alemão, surge o Capitão América socando Hitler na capa! Claro, no mundo real isso não aconteceu, mas a partir dali, por meio da ficção, a esperança ganhou força, o povo se uniu.

» Siga o SOS no Facebook , Instagram e no Twitter e receba todas novidades das séries! «

 

 

CUIDADO: Spoilers sobre a saga atual do Capitão América que ainda não foi publicada em nosso país.

Ainda inédito no Brasil (mas aproveite, pois está prestes a chegar!), há atualmente uma saga em que é revelado que o Capitão América é na verdade um agente secreto da Hidra! Obviamente isso chocou e causou revolta em vários leitores, afinal como poderia o herói símbolo americano ser no fundo um agente da Hidra, justamente a organização vilã que na Segunda Guerra Mundial representava nas páginas coloridas o nazismo?!

 

“Salve Hidra”

 

Mas hoje, vendo os noticiários, a vida pareceu imitar a arte. Como poderia a nação, símbolo heróico na Segunda Guerra Mundial contra a terrível ameaça nazista, ter se tornado, em parte, o vilão ao qual no passado tinha lutado e repudiado?

Se olharmos um pouco mais a fundo, dará para enxergar que havia indícios de que chegaria a esse ponto bem antes. Todo o discurso anti-imigrantes e minorias e o apoio dos “cidadãos de bem” a tudo isso, em extremo chegou ao que estamos vendo nos jornais, só precisava surgir um líder com os mesmo pensamentos para dar mais força a isso, o que em ambos os universos, real e ficcional, tem (Capitão América nas HQs, um presidente na realidade).

“American Horror Story: Nazi”

 

O brilhante disso é que Nick Spencer, o escritor da atual fase do Capitão América, aparentemente viu tudo isso e traduziu para os quadrinhos. Sim, é horrível todo esse lance de discurso nazi, assim como toda a violência que surgiu durante o protesto, mas o que cito como “brilhante” aqui é o lado de como surgiu essa ideia de transformar o querido símbolo americano em um vilão, não gratuitamente, mas baseando na realidade!

É como o documentário sobre super-heróis dos quadrinhos, Superheroes: A Never-Ending Battle, que até pouco tempo tinha na Netflix, diz, que a vida não se espelha na arte, mas a arte se espelha na vida, é assim também com as Histórias em Quadrinhos, e isso costuma trazer obras geniais!

A polêmica saga do Capitão América sendo agente da Hidra está tendo seu terreno preparado aqui no Brasil, pela editora Panini, nas mensais Capitão América e Os Vingadores. Veja aqui a resenha do arco cujas consequências leva a essa saga.

 

Assista ao Projeto Aranha Amazing, onde faço um resumo e comento sobre cada edição das histórias em quadrinhos do Homem-Aranha desde Amazing Fantasy 15! No HQ DAORA:

 

 

Comentários
Queremos saber o que você pensa! Este espaço é especialmente para você deixar seus comentários. Deixe sua opinião e nos ajude a construir um Sons of Series cada vez melhor e mais completo. Debates são super bem vindos, desde que as opiniões sejam respeitadas e expressas de maneira educada e sem ofensas gratuitas. Caso observe qualquer tipo de conteúdo preconceituoso ou ofensivo, por favor, não exitem em nos contactar!